Microsoft – O Admirável Mundo Novo e O Triunfo dos Porcos

Porquê revisitar uma notícia com três anos e reproduzir um comentário intempestivo? Talvez porque a Microsoft ou outra empresa poderão regressar um dia a Portugal com a mesma ideia: uma empresa criar de raiz uma cidade, com todas as novidades, boas ou más que trará.
 

O caminho da Microsoft em direcção ao Admirável Mundo Novo através do Triunfo dos Porcos e dos seus projectos de Cidades Hiper-Informatizadas (“a Microsoft quer construir uma nova cidade inteligente na cidade de Paredes, perto do Porto. Eles desenvolveram um projecto levaria quatro anos para ser concluído e ocupam cerca de 1.670 hectares e vai abrigar 225 mil pessoas a um custo de 10.000 milhões de euros.” (vila-verde.net), e por que não recuperar o Porto?), depois de se ter imposto à maior parte das empresas de computadores e aos próprios sistemas informáticos da maioria dos Estados e governos no mundo inteiro (inclusive o português), chupando-lhes milhares de milhões de euros e dólares.

“Microsoft patenteia sistema de análise de comportamento dos empregados

A aplicação da Microsoft vai ser capaz de identificar bons e maus hábitos de trabalho.

A Microsoft patenteou um sistema capaz de identificar e diagnosticar os comportamentos dos empregados de uma empresa.
O sistema, totalmente automático, vai funcionar com base na análise de interações entre funcionários, como os e-mails, as conversas, os gestos e até os maneirismos. 
De acordo com GeekWire, o objetivo deste sistema é identificar e deter maus hábitos comportamentais, como: monólogos longos, interrupção sistemática da exposição dos colegas e chefes que fazem muitos pedidos fora das horas de trabalho.”
 
Não será, certamente, o mundo utópico de Lucas Cranach.
 
Anúncios