Relvas e os Gentis-Homens Primogénitos

A licenciatura foi durante algumas décadas douradas uma espécie de moderno título nobiliárquico. Corria nos licenciados sangue azul. A imposição do canudo transportava o sujeito para uma esfera superior à do comum dos mortais. Dava no caneco do privilegiado o sentimento de que o seu cérebro era feito de uma massa diferente dos plebeus, a sensação de que os seus neurónios eram percorridos, não por espíritos animais mas por espíritos celestiais. É esta a diferença, por exemplo, entre um manga-de-alpaca e um licenciado em contabilidade. Infelizmente, com esta maximização dos lucros pelas empresas superiores e universitárias, já aconteceu o que antes se vira na Idade Média: uma turba de gentis-homens de pé-descalço. Só se vão safar os que nascem primogénitos.
Anúncios